Make your own free website on Tripod.com
Sobre a Editora| Fale Conosco| Notícias| Home| Publique Conosco| Obras de Mestre| Livraria Virtual

Categorias

Literatura Fluminense:

Prosa
Poesia
Crítica Literária 
Antologias

Didáticos e Para-didáticos:
Língua Portuguesa
Acadêmicos 
Técnicos 
Infanto-juvenís 
Biografias/genealogias

Espirituais:
Literatura cristã



Confira a programação da Nitpress durante a XIII Bienal do Livro, de 13 a 23 de setembro, no Riocentro.

Crítica Literária



O enigma Diadorim

Wander Lourenço

Código: 301

N.Páginas: 224

Formato: 14 x 21 cm

Preço: R$ 32,00

Resenha
Esta pesquisa intitulada "O Enigma Diadorim" se propõe a discutir a evolução da narrativa moderna, no tocante à temática do Amor e suas vertentes na obra literária Grande sertão: veredas, de autoria de João Guimarães Rosa. Por este viés, o estudo se dividirá em três momentos que buscarão investigar, por intermédio das reminiscências do jagunço-narrador Riobaldo-Tatarana, a trajetória do companheiro de armas e clandestinas paixões, Reinaldo, em diálogo com os elementos que demarcam a sua andrógina travessia, o segredo de paternidade e, sobretudo, o de sexualidade. Considerando que, neste espaço ambíguo dos sertões rosianos das Gerais se instauraria uma emblemática e estúrdia estória de Amor, cabe salientar que as mencionadas divisões da hermenêutica em questão constantemente se interpenetrarão, na proposição de se elucidar o quanto possível, à luz da incursão pelo espírito da criação artística em sua mais extraordinária condição humana, a enigmática figura dos olhos verdes, Maria Deodorina da Fé Bettancourt Marins.

 



Com licença, senhoritas - A prostituição no Romance Brasileiro do Século XIX

Wander Lourenço

Código: 302

N.Páginas: 128

Formato: 14 x 21 cm

Preço: R$ 30,00

Resenha
Lucíolas, Marias de..., Marcelas, Leónies e Pombinhas, com seus catres e suas alcovas, são algumas das personagens deste livro, emprestadas por textos românticos e pós-românticos da ficção brasileira do século XIX, como Lucíola (1862), de José de Alencar; As mulheres de mantilhaI  (1870-71) de Joaquim Manuel de Macedo; Memórias póstumas de Brás Cubas (1881), de Machado de Assis; e O cortiço (1890), de Aluísio Azevedo. O livro mostra como grandes prosadores brasileiros debruçaram-se sobre a figura da cortesâ. O interesse por essa figura fascinante e intempestiva, alcoólatra, lésbica, mutante, tagrela, mentirosa e glutona constituía um outro âmbito da desvalorização que sobre a prostituta expelia a coerção social.
NITPRESS  - Rua Santa Clara, 76 - Ponta d'Areina - Niterói - RJ - Cep 24040-050 - tel. (21) 2618-3828 / 2618-2972 - nitpress@infolink.com.br